07/08/2010

Cuide bem de suas roupas - 07/08/2010



Cuide bem de suas roupas!

Respeitar os símbolos das etiquetas garante vida longa às roupas


Por Caline Migliato

São Paulo, 29 (AE) - Elas ficam ali, costuradas no cantinho, praticamente ignoradas pelo consumidor. Isso quando não são cortadas imediatamente após a compra da peça. Apesar de tanto desprezo, as etiquetas trazem informações valiosas para cuidar das roupas. Difícil, mesmo, é entender o significado de cada desenho impresso nelas.
São os símbolos que avisam, por exemplo, quando uma peça não pode ser higienizada com água ou se ela requer lavagem a seco. A temperatura do ferro de passar, quando permitido, também é especificada, assim como o programa da máquina de lavar e a temperatura ideal da água.
A coordenadora do SAC da Hering, Rita Cestaria Vieira, explica que por meio dos símbolos das etiquetas é possível cuidar das roupas de forma adequada. "É uma obrigação de cada fabricante colocar as informações corretas para cada tipo de tecido e o consumidor deve ler e identificar o significado de cada um", diz.
A gerente de treinamento da 5àSec, Rejane Nascimento, lembra que nem sempre as etiquetas estão completamente corretas. "Muitas delas são compradas e costuradas nas roupas sem que se saiba exatamente como funciona a forma de limpeza daquela peça. Por isso, leio sempre as etiquetas das roupas e procuro analisar se o que está escrito é verdade ou não", ensina.
Os símbolos são definidos por meio de uma legislação específica, estabelecida pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro), que regula o uso dos símbolos e informações que devem constar em cada peça. "A fibra é levada em consideração, assim como o tingimento e os demais procedimentos com relação à temperatura do ferro de passar", diz Rita.
Os principais erros que as pessoas cometem na lavagem das roupas estão relacionados ao uso da máquina (quando devem ser lavadas manualmente), assim como o uso de ferro muito quente, quando deveria estar mais frio, por exemplo.
Para a consultora de moda Milla Mathias, quem não segue corretamente as instruções corre o risco de jogar um investimento fora. "Quando não existe esse cuidado, a roupa acaba não durando o quanto precisa durar. Muitas peças são atemporais e poderiam ser usadas por anos", garante.
A recomendação é sempre ler as etiquetas, entender o que significam e lavar com muito cuidado. Para quem não tem tempo, a solução é levar as roupas à lavanderia. "Como são especializadas, conseguem cuidar bem de cada peça", conclui Milla.





Cuidados extras

- Molho: evite deixar suas roupas em molho prolongado. Mesmo para as peças mais sujas, uma hora já é o suficiente
- Detergentes e amaciantes: use na medida indicada e compre sempre marcas de qualidade
- Os produtos fabricados de forma caseira podem ser agressivos e até danificar as peças

- Separação: divida as peças por cor, tipo de fibra e modo como podem ser lavadas: manualmente ou à máquina

- Etiquetas: tenha sempre muito cuidado com as etiquetas. Na dúvida, leve a uma lavanderia

- Enxágue e secagem: enxágue sempre muito bem e deixe as peças secarem completamente. Algumas podem secar na máquina. Poucas podem secar ao sol, a maioria deve ser à sombra.


 Fonte: Yahoo
Imagens: Internet

3 Comentários:

valeria disse...

O Margareth!
Adorei as dicas!
Bom fim de semana!
Beijo!

Mary disse...

Excelentes dicas... da pra aprender muita coisa mesmo e com isso as roupas durarem mais. Beijos

Vinícius Dilly disse...

Oi!
Estava precisando de dicas assim, ainda mais que comprei um guarda-roupa novo!
Vou prestar bastante atenção nas etiquetas agora!
Beijos, Dilly

 

Margareth Mazetti Copyright © 2012 Design by Ipietoon Blogger Template